top of page

UDESP faz alerta para cuidados com o Golpe do IPVA 2024 e repassa 3 dicas de ouro para não cair nele



Os criminosos têm usado várias estratégias para receberem, de forma ilícita, os valores já declarados do imposto. E, caso você efetue o pagamento, além de ficar sem o dinheiro, também terá que pagar o valor novamente para o governo estadual.


Inclusive, as Secretarias da Fazenda de vários estados brasileiros estão emitindo avisos para estes golpes praticados por estelionatários.


Em São Paulo, por exemplo, o desconto para pagamento é de 3% e apenas para final de placas de veículos que ainda estão no prazo de pagamento com desconto (consulte tabela abaixo). Valores maiores de desconto ou outras ofertas são tentativas de golpes.


Envio de boletos falsos por e-mail ou Correios, links em aplicativos de mensagem ou via redes sociais também caracterizam fraudes, bem como falsificação dos sites das Secretarias da Fazenda, ligação ou envio de mensagens se passando por um funcionário do governo ou dos Detrans estaduais.


O melhor, como afirma o presidente da UDESP Henrique Diogo, é consultar Despachantes Documentalistas que, além de indicarem o valor correto, parcelam em até 24 vezes o IPVA e demais serviços de documentação do seu veículo ou CNH.


"Diante de tantas estratégias ilícitas e tecnologia usadas pelos golpistas que enganam facilmente, fica mais difícil avaliar o certo do errado, assim, melhor é consultar um Despachante Documentalista e nós, da UDESP, temos associados credenciados e autorizados pelo Detran.SP que dará todas as informações que forem necessárias", ressaltou Diogo.


Abaixo, à UDESP repassa formas de evitar o golpe.


1- Evite entrar em sites desconhecidos

Prática comum e corriqueira dos criminosos é falsificar páginas das Secretarias da Fazenda dos estados. Sempre opte por páginas com final gov.br.


2- Desconfie de descontos muito altos

Em São Paulo, o desconto ficou nos 3% para pagamento à vista até fim do período de cronograma das finais de placa. Depois do prazo, só o valor integral ou parcelado.


3- Cuidado com ligações telefônicas ou mensagens por aplicativos

As Secretarias da Fazenda não telefonam, nem encaminham SMS ou e-mail com boletos ou links para que você obtenha descontos no pagamento do tributo ou parcelamento de qualquer valor, e também, não fazem esse tipo de divulgação em redes sociais.


Através do portal de notícias www.udesp.com.br você encontra Despachantes Documentalistas associados que podem parcelar o IPVA em até 24 vezes, além de serviços relacionados a documentos veiculares e CNH.


Precisando de uma comunicação eficaz para sua empresa, negócios, produtos ou marcas? Fale conosco AGORA MESMO!


Pimenta News Press Comunicação - Comunicação & Marketing Digital


Ligue agora mesmo (11) 94736-1607


留言


bottom of page